ED-TECH: As Novas Tecnologias ao Serviço da Formação Corporativa

As novas tecnologias mudaram o comportamento das pessoas e quando as pessoas mudam…Tudo muda!

Então porque é que a formação no mercado corporativo continuaria igual?

A tecnologia contribui significativamente para a aceleração da informação, principalmente pelo uso massivo da internet e dos recursos digitais. Por isso, relacionar educação com tecnologia é uma condição irrevogável para se viver num futuro que já chegou!

Este admirável mundo novo onde as telecomunicações e a informática têm um papel fundamental trouxe novas formas de pensar e de conviver, influenciando as relações entre as pessoas, o trabalho e a própria inteligência.

Não é apenas uma evolução em termos de inovação tecnológica, estamos imersos numa transformação cultural que devemos acompanhar de forma estruturada.

É aqui que os diretores de recursos humanos e gestores de formação assumem um papel fundamental pois o avanço tecnológico, a competitividade associada à globalização da economia e a alteração de comportamentos das várias gerações criaram novos desafios para os próximos anos.

A atração e a retenção de talento são hoje as maiores preocupações do amanhã.

Como vamos atrair talento num mundo cada vez mais competitivo onde o comportamento dos Millennials e da Geração Z mudou consideravelmente quando comparado com as gerações anteriores?

Como vamos reter talentos nas organizações com uma cultura tradicional, quando o estar, pensar, consumir e trabalhar mudou drasticamente?

São estes alguns dos principais desafios para os próximos anos a que devemos estar atentos e onde devemos atuar rapidamente.

É necessária uma transição do modelo atual de educação, com a aprendizagem centrada em instituições, universidades, escolas, professores, empresas e formadores para um modelo centrado no aluno – o utilizador final da experiência da aprendizagem, é nele que deve estar o foco, optando por soluções que trabalhem a retenção do conhecimento de forma eficaz, promovendo o envolvimento e motivação.

Às empresas cabe a tarefa de articular esta complexidade com os objetivos estratégicos para um crescimento sustentável, considerando a melhor solução para cada necessidade, seja ela 100% presencial, 100% e-learning ou B-learning (mista) onde a componente digital agrega valor à experiência de aprendizagem.

Em suma, a utilização das novas tecnologias está intimamente ligada ao progresso e a formação corporativa terá inequivocamente a necessidade de acompanhar esta tendência, devendo ser mais integrada, abrangente, objetiva, estimulante e prática.

Mais do que uma evolução, é uma revolução!

miguel-rosa-foto2.png

 

 

 

 

 

Miguel Rosa

Business Developer

DOT|VANTAGEM+

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: